Déficit na Previdência dos estados cresce 7% em 2016

As despesas com a Previdência superaram as receitas nos estados em 7% no ano passado, de acordo com a segunda edição do Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais, divulgada hoje (6) pelo Tesouro Nacional. O documento mostra que o resultado negativo passou de R$ 76,672 bilhões em 2015 para R$ 81,912 bilhões no ano passado, considerados estados e os municípios com mais de 100 mil habitantes.

Temer garante que governo fará Reforma da Previdência

O presidente Michel Temer disse hoje (2) que vai seguir em frente com a Reforma da Previdência, ao falar na cerimônia de abertura do Futurecom 2017, evento de telecomunicações e tecnologias da informação e comunicação na capital paulista. O evento reuniu representantes do governo, operadoras e provedores de internet e especialistas.

Caixa Seguradora lança simulador de previdência inovador

A Caixa Seguradora acaba de lançar simulador de previdência para ajudar o brasileiro a planejar o futuro. Diferente de outras plataformas online, o simulador não é uma simples calculadora. A ferramenta oferece experiência personalizada: de forma didática e intuitiva, o usuário responde a algumas perguntas sobre seu perfil e diz se quer fazer uma previdência para planejar a aposentadoria, para a realização de algum projeto futuro ou para fazer um investimento.

Déficit previdenciário dos estados cresceu 10% em 2016

O déficit previdenciário dos estados cresceu 10% no ano passado, de acordo com o Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais, divulgado hoje (17) pelo Tesouro Nacional. O documento mostra que o resultado negativo passou de R$ 76,672 bilhões em 2015 para R$ 84,463 bilhões no ano passado.

Maia quer votar reforma da Previdência até setembro

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou hoje (7) que quer votar a reforma da Previdência até o início de setembro. Em entrevista concedida à Rádio CBN pela manhã, Maia voltou a defender que o plenário aprove o quanto antes a mesma proposta que foi aprovada na comissão especial, em maio.

 

Termina amanhã o prazo para segurado agendar perícia de revisão no INSS

Os beneficiários do auxílio-doença convocados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) têm até amanhã (5) para entrar em contato com o órgão para agendamento da perícia de revisão do benefício. No caso de não atendimento à convocação ou de não comparecimento na data agendada, o auxílio será suspenso até o comparecimento do interessado.

Assinar este feed RSS