Wall Street encerra a semana em alta

  •  
Bolsas dos EUA Foto: Divulgação Bolsas dos EUA

Wall Street fechou em alta nesta sexta-feira, puxada por índices tecnológicos em um mercado tenso pela crise no Iraque: o Dow Jones avançou 0,25% e o Nasdaq, 0,30%.

Segundo resultados definitivos, o Dow Jones Industrial Average subiu 41,55 pontos, a 16.775,74 unidades, e o Nasdaq 13,02 pontos, a 4.310,65 unidades.

O índice ampliado Standard & Poor's 500 subiu 0,31% ou 6,05 pontos, a 1.936,16 unidades.

Os índices registram alta após duas sessões de recuo como se "os investidores não fossem capazes de deixar o mercado baixar mais", comentou Michael James, da Wedbush Securities.

"Wall Street segue com tendência de alta e se nenhum elemento significativo a alterar, parece difícil um movimento de venda prolongado", acrescentou.

O mercado passou por terreno negativo no início do dia, após a divulgação de um indicador da Universidade de Michigan, que mostrou ligeira queda de confiança das famílias nos EUA em junho.

Os investidores, contudo, retomaram a força, estimulados pelo avanço da Intel, que integra o índice Dow Jones. A companhia dos microchips elevou sua previsão de faturamento, e sua ação subiu 6,83%, a 29,87 dólares, nível mais alto em dez anos.

O anúncio de algumas operações de fusão também estimulou os investidores.

No entanto, o mercado "pela primeira vez em muito tempo esteve mais concentrado nos acontecimentos geopolíticos do que na economia, seguindo a crise no Iraque", segundo Mace Blicksilver, da Marblehead Asset Management.

No mercado de títulos, o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos avançou a 2,604% contra 2,586% na quinta-feira à noite, enquanto o rendimento dos bônus a 30 anos ficou em 3,412% contra 3,410%.

(Redação com AFP - Agência IN)