Ibovespa sobe após operação “Carne Fraca”

Ibovespa sobe após operação “Carne Fraca” (Foto: Divulgação) Ibovespa sobe após operação “Carne Fraca”

O principal índice acionário da BM&FBovespa, o Ibovespa, apresenta ganhos nesta segunda-feira, 20, com investidores avaliando dados globais. Há pouco, o índice, operava com alta de 0,87%, aos 64.769 pontos. O giro financeiro da bolsa marcava R$ 9.563 bilhões.

De acordo com relatório diário da Lerosa Investimentos, o mercado tende novamente se descolar do exterior por conta da operação da Polícia Federal da sexta, desta vez com noticiário indicando já cancelamentos mesmo que temporários de embarques de proteínas brasileiras começando por países asiáticos (China e Coréia do Sul, além de pedidos da Irlanda para a União Europeia suspender as companhias indiciadas na fraude). No noticiário político, expectativa na semana fica por conta do anúncio de corte do Orçamento e aumento de impostos, com possibilidade de novo adiamento da reforma da Previdência.

Entre as oscilações positivas em destaque na sessão estão os papéis da Fibria (ON) que avançavam 4,58% e a Suzano (PN) que apresentavam alta de 3,66%. Em contrapartida, entre os destaques negativos, estão os papéis da Cemig (PN), que decaíram 4,92% e da Marfrig (ON) que recuavam 4,64%.

Empresas

O Lucro Bruto da Kepler Weber no ano de 2016 totalizou R$ 32,7 milhões (margem 6,9%), valor 64,0% inferior aos R$ 90,8 milhões (margem 12,9%) obtidos no ano anterior.

Já a receita líquida consolidada da Randon, no mês de fevereiro de 2017, atingiu R$ 176,3 milhões ou 23,3% menor que a registrada em fevereiro de 2016. No acumulado de janeiro/fevereiro, a receita líquida consolidada totalizou R$ 334,4 milhões ou 27,6% menor que no acumulado do mesmo período do ano anterior.

Agenda

E abrindo a agenda de indicadores internos, o Banco Central (BC) divulgou o boletim Focus, que na medição, a previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) nacional para 2017 permaneceu em 0,48%. Já para 2018, o prognóstico do PIB ficou em 2,50%. Já a previsão para a taxa de câmbio em 2017 ficou em R$ 3,29. Para 2018 a taxa ficou em R$ 3,40.

Exterior

No exterior o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da Alemanha apresentou uma alta de 0,2% em fevereiro deste ano, um resultado em linha com o esperado pelo mercado (+0,2%). Os dados foram divulgados pela agência de estatísticas do País, a Destatis.

Para finalizar, a atividade econômica da região de Chicago avançou mais que o previsto em fevereiro, de acordo com o Chicago Fed National Activity Index (CFNAI). O indicador avançou a 0,34 pontos. No mês anterior o índice caiu 0,02 pontos.

(MR – Agência IN)