Decisão do BoJ deverá influenciar pregão global

Decisão do BoJ deverá influenciar pregão global (Foto: Divulgação) Decisão do BoJ deverá influenciar pregão global

Investidores globais devem avaliar decisão do Banco Central do Japão e com isso as principais bolsas de valores devem apresentar sinais opostos nesta terça-feira, 20. Diante deste cenário, os índices europeus e o indicador futuro das bolsas norte-americanas operam sem uma direção única.

De acordo com relatório diário do Bradesco, o banco central japonês (BoJ) confirmou as expectativas do mercado mantendo inalteradas as condições de política monetária, mas melhorou sua visão sobre a atividade. Na entrevista após a reunião, o presidente do BoJ afirmou que ele não prevê que o iene se torne um problema ao depreciar-se excessivamente e que a moeda está em nível similar ao de fevereiro.

Ásia

Na Ásia, os índices finalizaram o pregão com perdas, com exceção de Tóquio que subiu 0,5% após a decisão do BoJ.

Europa

Já na Europa, as bolsas apresentam ganhos nesta manhã.

Entre os dados da região, a conta corrente na zona do euro alcançou um excedente de € 28,4 bilhões em outubro, de acordo com informações ajustadas sazonalmente divulgadas pelo Banco Central Europeu (BCE). No mês anterior, o número registrado foi de € 27,7 bilhões. Analistas previam uma alta para € 24,2 bilhões para o mês de outubro.

Além disso, o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da Alemanha apresentou uma alta de 0,3% em novembro deste ano, um resultado acima do esperado pelo mercado (+0,1%). Os dados foram divulgados pela agência de estatísticas do País, a Destatis.

Estados Unidos

Em Wall Street, o indicador futuro das bolsas norte-americanas aponta para uma abertura em campo positivo.

Brasil

Aqui no Brasil, o Ibovespa deverá acompanhar o desempenho dos pares externos.

Agenda

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou a aprovação de repasse de R$ 40 milhões ao Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) que serão utilizados em operações de microcrédito produtivo orientado. Os beneficiados são pessoas físicas e jurídicas empreendedoras de atividades de pequeno porte, cujo faturamento bruto seja de até R$ 360 mil por ano. Os recursos são oriundos do BNDES Microcrédito.

Câmbio

Para finalizar, no mercado de câmbio, o dólar deverá apresentar ganhos em relação às demais moedas globais.

(MR – Agência IN)