Bolsas repercutem gradualismo do FED

Bolsas repercutem gradualismo do FED (Foto: Divulgação) Bolsas repercutem gradualismo do FED

Os mercados ainda repercutem o gradualismo do Federal Reserve (FED) e as principais bolsas de valores globais apresentam sinais opostos nesta sexta-feira, 17. Aqui no Brasil, o Ibovespa recua 2,18%.

Ásia

Na Ásia, as bolsas asiáticas fecharam o pregão com perdas, com exceção de Hong Kong, que subiu 0,1%. 

Europa

Já na Europa, as bolsas fecharam em campo positivo. Em Frankfurt, o DAX subiu 0,10%, a 12.095 pontos. Em Londres, o FTSE fechou com alta de 0,12%, aos 7.424 pontos, enquanto o CAC 40 registrou ganhos de 0,32%, aos 5.029 pontos.

Por lá, a balança comercial dos 17 países que compõem a zona do euro registrou ganhos de € 15,1 bilhões em janeiro, após apresentar € 23,1 bilhões no período anterior (número revisado). Os dados foram divulgados hoje pela agência de estatísticas Eurostat. As exportações europeias somaram € 163,9 milhões no mês e as importações alcançaram € 164,5 milhões.

Estados Unidos

Em Wall Street, o cenário não é diferente e bolsas sobem. Com isso, o índice Dow Jones sobe 0,11% aos 20.957 pontos; o S&P 500 avança 0,10% a 2.383; e a bolsa eletrônica Nasdaq apresenta alta de 0,14% aos 5.908 pontos.

A produção industrial nos Estados Unidos subiu 0,0% em fevereiro deste ano, na comparação com o mês anterior, segundo informações divulgadas hoje pelo Federal Reserve (FED, Banco Central dos EUA). Analistas previam uma alta de 0,2%. Em janeiro, houve queda de 0,1% (número revisado).

Além disso, a confiança dos consumidores americanos aumentou um pouco em março, segundo a primeira estimativa do índice publicado pela Universidade de Michigan. O índice ficou em 97,6 pontos, contra 96,3 em maio. Os analistas esperavam que ficasse em 97 pontos.

Brasil

Aqui no Brasil, o Ibovespa apresenta perdas, pressionado por dados internos. Há pouco, o índice, operava com queda de 2,18%, aos 64.346 pontos. O giro financeiro da bolsa marcava R$ 5.652 bilhões.

Agenda

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) registrou, no segundo decêndio de março, variação de 0,08%, segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV). No mês anterior, para o mesmo período de coleta, a variação foi de 0,02%.

Empresas

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (17) a Operação Carne Fraca, que investiga o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos. Alguns dos principais grupos do setor do país estão na mira da operação, como o BRF (que detem as marcas Sadia e Perdigão) e o JBS (Seara, Swift, Friboi e Vigor).

Por outro lado, a receita operacional líquida da Log-In foi de R$ 141,5 milhões no 4T16, 20,4% menor em relação ao 4T15. A redução ocorreu, principalmente, devido à queda da receita na Cabotagem (-28,5%), em linha com a redução de volume da indústria, principalmente, dos setores de químicos & petroquímicos, construção e alimentos & bebidas, assim como a suspensão do Serviço Costa Norte - Express (SCN) em dezembro de 2015.

Câmbio

Para finalizar, o dólar opera com perdas de 0,45%. Há pouco, a moeda era vendida a R$ 3,102.

(MR – Agência IN)

Última modificação emSábado, 18 Março 2017 14:26