Ações de cobrança por falta de pagamento de aluguel têm aumento de 50% em março

No mês de março foram registradas 1.836 ações judiciais por falta de pagamento de aluguel, 50% a mais quando comparado ao mesmo período do ano passado que registrou 1.228. A comparação de março de 2017 com o mês anterior também mostra um aumento do número de processos de 33%, em fevereiro foram movidas 1.377 ações. Os números são do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), monitorados pela AABIC- Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo.

Aumenta número de ações judiciais por falta de pagamento do condomínio

Levantamento realizado pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP (Sindicato da Habitação) no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo mostra que o número de ações judiciais por falta de pagamento da taxa condominial na cidade de São Paulo registrou aumento de 40,2% em março de 2016, comparado ao mês anterior. Foram 631 ações no terceiro mês do ano, contra 450 em fevereiro de 2016.

Ações judiciais por falta de pagamento de condomínio registraram queda de -45,28% em janeiro

As ações de cobrança de condomínios, por falta de pagamento, registraram em janeiro de 2016 (464 ações), obtendo queda de -45,28% se comparado ao ano anterior (848 ações). Os números são do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) e divulgados pela Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC). Em comparação ao período com o mês anterior, onde foram registradas 602 ações de cobranças em dezembro de 2015, a variação também evidencia queda de -22,92% dentre as ações.

Assinar este feed RSS