Novas regras para as fintechs de crédito podem beneficiar pequenas e médias empresas, diz FecomercioSP

Adquirir um empréstimo ou financiamento pode não ser tarefa fácil para os empreendedores de micros e pequenos negócios. Em muitos casos, os juros são altos ou a lucratividade da empresa não atende às exigências das grandes instituições financeiras. Para a assessoria econômica da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), novas formas de oferta de crédito podem beneficiar pequenas e médias empresas.

Demanda das empresas por crédito recua 7,9% em maio

A demanda das empresas por crédito recuou 7,9% em maio/2018 na comparação com o mesmo mês do ano passado, conforme apurou o Indicador Serasa Experian de Demanda das Empresas por Crédito. Foi a primeira queda interanual, isto é, na comparação com o mesmo mês do ano anterior, dos últimos oito meses. Na comparação com abri/18, a procura dos empresários por crédito caiu 2,1%. Com estes resultados, a expansão da demanda empresarial por crédito subiu 2,9% no acumulado dos primeiros cinco meses de 2018.

Petrobras realiza pagamento antecipado de linha de crédito

A Petrobras realizou pré-pagamento de linha de crédito com o The Bank of Nova Scotia, no valor de US$ 750 milhões, cujo vencimento ocorreria em 2022. Simultaneamente, a companhia contratou um novo financiamento com o mesmo banco, de igual valor, mas com custos financeiros mais competitivos, com vencimento em 2023.

Saldo das operações de crédito atingiu R$3,1 trilhões em abril

O saldo das operações de crédito do sistema financeiro atingiu R$3,1 trilhões em abril, aumento de 0,3% no mês, refletindo a expansão continuada da carteira das famílias (0,6%), enquanto as operações com empresas permaneceram estáveis (-0,1%), segundo dados do Banco Central (BC). Nos últimos 12 meses até abril, a carteira total cresceu 0,6%, revertendo trajetória declinante desde agosto de 2016. A relação crédito/PIB atingiu 46,5% no mês.

Demanda por crédito do consumidor cai 0,7% em abril

A Demanda por Crédito do Consumidor caiu em 0,7% em abril na comparação mensal dessazonalizada, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. No acumulado em 12 meses, o indicador avançou 2,9% (maio de 2017 até abril de 2018 frente aos 12 meses antecedentes). Na avaliação interanual (abril de 2018 frente a abril de 2017), abril apresentou aumento de 3,8%.

Demanda do consumidor por crédito cresce 15,2%

De acordo com o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito, a quantidade de pessoas que buscou crédito cresceu 15,2% no acumulado dos primeiros quatro meses de 2018. Somente em abril/18, a alta interanual, isto é, em relação ao mesmo mês do ano passado foi de 23,9% (porém este resultado foi impactado pela maior quantidade de dias úteis em abril deste ano, 21 contra 18 em abril de 2017). Já com relação a março/18, a demanda do consumidor por crédito apresentou pequeno recuo de 0,3%.

Demanda do consumidor por crédito cresce no 1T18

De acordo com o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito, a quantidade de pessoas que buscou crédito cresceu 13,2% em março/18 na comparação com fevereiro/18. Em relação ao mesmo mês do ano passado (março/17), a demanda avançou 5,5%. 

Em 2017, varejo teve alta na demanda por crédito

A procura por crédito dos varejistas junto ao atacado cresceu 2,38% entre janeiro e dezembro de 2017, em relação ao mesmo período do ano anterior. Em 2016, na comparação com 2015, o setor atacadista havia enfrentado recuo de 13,79% da demanda, representada pela procura de crédito feita pelos varejistas brasileiros.

Assinar este feed RSS