Apenas 25% dos MPEs pretendem contratar até o fim do ano, mostra SPC Brasil

Uma sondagem realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revela que somente um em cada quatro (25,0%) micro e pequenos empresários que atuam no comércio e no segmento de serviços pretende fazer alguma contratação até o fim deste ano. Com o mercado de trabalho enfraquecido, mais da metade (59,3%) desses empresários não têm a intenção de contratar novos funcionários, seja porque não se veem atualmente em condições financeiras para aumentar a folha de pagamento da empresa (35,8%) ou por estarem com mão de obra ociosa (12,1%), uma vez que a atividade da empresa diminui nos últimos meses.    

Demanda por crédito do MPE atinge menor o patamar em 14 meses, diz SPC Brasil

Com a economia ainda em dificuldades para ensaiar uma recuperação consistente, a procura dos micro e pequenos empresários (MPE) por crédito continua em baixa. O Indicador de Demanda por Crédito das Micro e Pequenas Empresas apurado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) atingiu o menor patamar em 14 meses, retrocedendo de 16,36 pontos em maio de 2015 para 9,51 pontos no último mês de junho.

Confiança das MPEs cresce 18% em um ano, mostra SPC Brasil CNDL

O Indicador de Confiança dos micro e pequenos empresários dos segmentos do varejo e de serviços calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) cresceu 18,0% na comparação entre junho e o mesmo mês do ano anterior, passando de 36,38 pontos para 42,93 pontos. Na comparação mensal com maio, quando o indicador estava em 42,19 pontos, houve um leve aumento de 1,77%.

CNDL e SPC Brasil lançam plataforma online de educação corporativa para MPEs

A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) lançam no mercado uma ferramenta exclusiva de incentivo à educação corporativa entre empresários de todos os segmentos, especialmente os de micro, pequeno e médio porte. É o HSM Experience, plataforma online que traz conteúdos customizados sobre estratégias de vendas, marketing, negociação, comunicação interpessoal, boas práticas de gestão e tendências de mercado. Com o HSM Experience, o empresário tem acesso a mais de 1 mil horas de vídeos, 2.500 artigos, aulas ao vivo e fóruns para troca de experiências sobre os mais diversos assuntos.

Demanda por investimento das MPEs cresce em maio, mostra SPC Brasil/CNDL

Dados do Indicador de Propensão a Investir MPE do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que a intenção por investimentos dos micro e pequenos empresários de varejo e serviços subiu de 19,96 pontos em abril para 25,22 pontos em maio. Quanto mais próximo de 100, maior é a propensão ao investimento. O resultado faz com que o dado volte ao nível que havia sido registrado no primeiro trimestre do ano, de 24,88 em média. Na comparação com maio do ano anterior, quando marcou 32,06 pontos, o indicador registrou queda de 21,3%, refletindo o clima de incerteza produzido pelas crises econômica e política.

Confiança das MPEs volta a crescer após recuo recorde

O Indicador de Confiança da Micro e Pequena Empresa (ICMPE) calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) registrou em maio um crescimento de 15,1% em relação a maio do ano passado e atingiu 42,19 pontos, acima também do observado no mesmo mês do ano anterior (36,65 pontos). 

54% dos comerciantes e prestadores de serviços temem que o Brasil não saia da crise em 2016, aponta SPC Brasil

Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com comerciantes e prestadores de serviços das 27 capitais e do interior do Brasil revela que o maior temor dos empresários com relação a 2016 é que o país não supere a crise econômica. O medo da recessão se prolongar aparece, inclusive, a frente de outras opções mais voltada ao próprio negócio do entrevistado, como o risco de não conseguir pagar as dívidas (38%), ser assaltado ou vítima de violência (38%) e ser obrigado a fechar a empresa (37%).

Brasileiro quer passar o Réveillon de roupa nova

Depois das festas de Natal, muitos comerciantes esperam pelas trocas dos presentes para tentarem aumentar suas vendas. A última semana do ano pode levar os brasileiros às lojas novamente e impulsionar o comércio com as compras de produtos para o Ano Novo. Um levantamento do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que metade dos consumidores (50,5%) pretende comprar roupas, calçados e/ou acessórios para usar na passagem de ano. Os gastos com essas compras e também com as comemorações serão, em média, de R$ 293,56.

Assinar este feed RSS