Cartão de loja é o tipo de crédito que mais leva à inadimplência

Os cartões de loja são hoje a forma de financiamento que mais leva o consumidor para a inadimplência. Entre os devedores que têm esse tipo de cartão, 80% estão com o nome sujo justamente por causa dele. No ano passado, o índice era de 73%. A conclusão é de um levantamento feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais. Na segunda colocação, aparecem os empréstimos em bancos e financeiras, que lideravam o ranking em 2016 com 75% e agora estão dez pontos percentuais abaixo.

  • Publicado em Crédito

Taxa do cartão cai pelo quinto mês consecutivo

A taxa média de juros do rotativo do cartão registrou a quinta queda mensal consecutiva desde a mudança que limitou o prazo de permanência do consumidor nessa linha de crédito, chegando a 9,6% ao mês – ou 200,4% ao ano – em agosto, de acordo com a Abecs, associação que representa o setor de cartões. Os juros do rotativo são cobrados quando o cliente paga algum valor entre o mínimo e o total da fatura, deixando o saldo restante para ser quitado até, no máximo, o vencimento da próxima fatura, conforme determina a nova regra.

Juro do rotativo cai mais de 60% em cinco meses

A taxa média de juros do rotativo do cartão de crédito, cobrada quando o consumidor paga algum valor entre o mínimo e o total da fatura, continuou em queda na primeira semana de agosto, chegando a 9,3% ao mês – ou 192% ao ano –, e já acumula uma redução de 60,5% nos últimos cinco meses. Na primeira semana de março, período anterior ao início das novas regras do rotativo, a taxa praticada era de 15,9% a.m. ou 486,1% a.a. O levantamento é da Abecs, associação que representa o setor de cartões, com base em informações das seis principais instituições financeiras do País.

Taxa do cartão é a menor após mudança na regra do rotativo

A taxa média de juros do rotativo do cartão de crédito, cobrada quando o consumidor paga algum valor entre o mínimo e o total da fatura, chegou ao seu menor patamar após a mudança na regra da modalidade, no início de abril, registrando 9,6% ao mês (200,8% ao ano) na última semana de julho. Os dados são da Abecs, associação que representa o setor de cartões, e têm como base informações das seis principais instituições financeiras do País.

Parcelamento do rotativo do cartão tem juros de 8,8% ao mês

Segundo levantamento da Abecs, associação que representa o setor de cartões, os consumidores que parcelam o saldo do rotativo do cartão de crédito, além de maior previsibilidade com prestações fixas, encontram um custo mais baixo de financiamento, com juros de 8,8% ao mês (175% ao ano) – taxa média registrada na terceira semana de junho. A taxa é a mesma praticada em maio, quando começaram os primeiros parcelamentos após a mudança na regra do crédito rotativo, em abril, limitando o seu uso em até 30 dias.

Juros do rotativo chegam ao menor nível após novas regras

Após um mês de vigência das novas regras de uso do crédito rotativo do cartão, que passou a valer em 3 de abril, segundo a Resolução CMN 4.549, do Banco Central, a taxa média de juros dessa modalidade chegou ao seu menor patamar, 225,4% ao ano (10,3% ao mês), na primeira semana de maio, de acordo com levantamento da Abecs, associação que representa o setor de cartões. Antes da mudança, a taxa registrada na última semana de março foi de 455,1% ao ano (15,4% ao mês), o que confere uma redução de 50,5% para a taxa atual.

Opção de data de câmbio para pagar cartão dá previsibilidade

A possibilidade de o consumidor escolher se quer pagar a fatura do cartão de crédito de compras no exterior pelo câmbio do dia da aquisição ou da data de vencimento dá maior previsibilidade em momento de instabilidade cambial. A avaliação é da Proteste - Associação de Consumidores.

  • Publicado em Crédito

Sicredi lança cartão MasterCard Black

O Sicredi traz mais uma novidade para seus associados com o lançamento do cartão Sicredi MasterCard Black. Com este cartão, o portfólio de produtos para pessoa física fica ainda mais completo, juntando-se aos cartões Internacional, Touch, Gold e Platinum das bandeiras MasterCard e Visa. O novo produto é destinado a um público seleto, que valoriza viagens, entretenimento e experiências diferenciadas.

Assinar este feed RSS