Geração Y lidera a inadimplência no Brasil, segundo pesquisa da TeleCheque

  •  
Geração Y Foto: Divulgação Geração Y

A chamada geração Y, que compreende pessoas nascidas entre o início dos anos 80 até meados dos anos 90, liderou o percentual de inadimplentes do País em maio, com 4,67% do total, segundo dados da Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Cheques, realizada pela TeleCheque, serviço oferecido pela marca MultiCrédito.

“Os jovens que constituem a geração Y buscam novidades tecnológicas, são ambiciosos e buscam através dos bens se destacar e dizer quem são. Estas características os levam a consumir produtos e serviços de maior valor agregado, tais como: automóveis, motos, viagens, além de cursos de aprimoramento profissional, segmentos nos quais o cheque é um dos meios de pagamento mais comumente utilizado”, diz o Diretor de Crédito e Risco, Walter Alfieri.

A segunda faixa etária que reuniu mais inadimplentes foi a chamada geração X, que compreende pessoas entre 41 e 50 anos, com 2,97%, seguida pelos baby boomers, geração que engloba pessoas com idade entre 51 e 68 anos (1,72%).

O estudo aponta, ainda, que o índice de inadimplência com cheques no Brasil, em maio, foi de 3,07%, valor 10,04% superior aos 2,79% apresentados em abril. O ticket médio no período foi de R$ 862,00, valor 5,6% superior aos R$ 816,00 apresentados no mês anterior. A inadimplência de pessoas físicas, em maio, foi de 3,15% e pessoas jurídicas 2,82%. O ticket médio apresentado pelas pessoas físicas foi de R$ 784,00 e o apresentado pelas pessoas jurídicas foi de R$ 1.204,00.

(Redação - Agência IN)