Spin ganha nova geração do multimídia Chevrolet MyLink

Spin ganha nova geração do multimídia Chevrolet MyLink Foto: Divulgação Spin ganha nova geração do multimídia Chevrolet MyLink

A linha 2018 do Spin dá um salto em conectividade. Depois de oferecer o sistema OnStar, a minivan líder de seu segmento agora disponibiliza a última geração do multimídia Chevrolet MyLink, compatível com Android Auto e Apple Car Play.

Para o motorista, isto significa maior integração entre as funções do smartphone e do sistema multimídia do carro. Tudo de uma forma muito simples e segura, já que diversos recursos podem ser acionados por comando de voz, ajudando a manter por mais tempo o foco no trânsito e as mãos no volante.

Por meio do Android Auto o usuário do Spin tem acesso no multimídia do carro a aplicativos como o Google Maps, de navegação com informações do trânsito em tempo real, e o WhatsApp, de troca de mensagens. Já por meio do Car Play, o usuário pode acessar apps como Apple Music e o Spotfy, ambos de música.

A relação de recursos e aplicativos pode variar conforme a versão e o sistema operacional do telefone do usuário.

Mais uma característica desta última geração do Chevrolet Mylink é o design moderno e intuitivo do aparelho. A tela de sete polegadas de alta resolução possui tecnologia multi-touch. Similar à de smartphones, ela facilita a navegação com os dedos e permite reorganizar os ícones da página inicial, por exemplo.

As teclas de avançar e retroceder do multimídia ficam no painel externo do aparelho, assim como o botão do volume giratório, facilitando a operação. Já o sistema de áudio e telefonia também podem ser acionados por comandos no volante multifuncional, disponível nas versões mais sofisticadas do Spin.

“Agora, do Onix ao Trailblazer, passando pelo Spin, todos os veículos de passeio da Chevrolet oferecem o que há de mais moderno em relação a conectividade total, o que inclui o multimídia Chevrolet MyLink com Android Auto e Apple Car Play e o sistema de telemática avançado OnStar”, destaca Marcos Munhoz, vice-presidente da GM.

O multimídia estreia como item de série nas versões LT, Advantage, LTZ e Activ, que trazem ainda itens relevantes de conforto, conveniência e segurança para consumidores da categoria, como direção elétrica progressiva, ar-condicionado, travas e vidros elétricos com controle remoto, painel com velocímetro digital, alerta de pressão baixa dos pneus, rack de teto, rodas de alumínio, pneus de baixa resistência ao rolamento, grade ativa do radiador, duplo airbag e freios ABS com distribuição eletrônica da força de frenagem (EBD).

O Chevrolet, aliás, é o veículo multiuso mais espaçoso da categoria, com opções de cinco ou sete lugares e até 710 litros para bagagem.

A linha 2018 da minivan traz também novo posicionamento dos logos na tampa traseira. A partir de agora, o nome do carro fica na esquerda, e o da versão, na direita. Essa mudança segue o padrão global da Chevrolet.

A versão LTZ ganha novas rodas de alumínio de 15 polegadas com desenho igual ao do Cobalt Elite, sedã médio-compacto da Chevrolet.

Outra novidade da linha 2018 do Spin é a opção da cor Cinza Satin Steel para a carroceria. Ela se junta ao Azul Blue Eyes, Preto Ouro Negro, Cinza Graphite, Branco Summit, Branco Vintage e Prata Switchblade.

Spin é a minivan de sete lugares mais econômica do mercado

O Spin é equipado com o motor 1.8 da geração ECO, transmissão manual ou automática de seis marchas e a inovadora grade ativa do radiador, que abre e fecha automaticamente suas aletas de acordo com as condições de velocidade do veículo e necessidade de refrigeração do motor para otimizar a aerodinâmica.

Esse e outros sistemas contribuem para posicionar a minivan da Chevrolet como o automóvel de passeio de sete lugares mais econômico do mercado brasileiro, segundo dados do Inmetro.

Essa configuração é capaz de rodar com um litro gasolina até 13,7 quilômetros na estrada e 11,8 quilômetros na cidade. Com etanol, são 9,4 quilômetros e 8,1 quilômetros, respectivamente.

Para auxiliar o motorista a dirigir de forma mais econômica, há um alerta de mudança de marcha no quadro de instrumento. Um ícone indica o momento oportuno para as trocas manuais.

O motor 1.8 do Spin desenvolve até 111 cavalos de potência e 17,7 mkgf de força com etanol a apenas 2.600 rpm, fazendo com que o motorista sinta o carro responder prontamente ao comando do acelerador tanto em arrancadas como em retomada de velocidade (ultrapassagens), o que reflete em mais segurança.

O modelo acelera de 0 a 100 km/h em até 10,6 segundos, já a velocidade máxima é de 170 km/h.

O Spin 2018 começa a ser distribuído à rede de concessionárias Chevrolet em maio.

(Redação - Agência IN)