Nissan Kicks ganha mais opções de versões, equipamentos e cores

Nissan Kicks ganha mais opções de versões, equipamentos e cores Foto: Divulgação Nissan Kicks ganha mais opções de versões, equipamentos e cores

O modelo que tem toda a intensidade das ruas acaba de ganhar nacionalidade brasileira. O Nissan Kicks, modelo mais vendido da linha da Nissan no Brasil atualmente, passa a ser fabricado no Complexo Industrial da empresa em Resende (RJ), o que lhe garante diversas vantagens: a ampliação da quantidade de versões, a introdução de novos itens de série e mais equipamentos inéditos para o segmento, além de mais opções de cores em dois tons.

Com a chegada às lojas ainda neste mês de julho da nova versão S com câmbio XTRONIC CVT, o crossover compacto passa a ter uma linha completa, com preços começando em R$ 70.500, na versão S com câmbio manual de cinco marchas. Entre os equipamentos introduzidos pelo Nissan Kicks brasileiro estão os inéditos – para o segmento – alerta de colisão e assistente inteligente de frenagem, itens opcionais para a versão topo de linha SL. O crossover compacto também traz para os consumidores o avançado sistema multimídia "Nissan Multi-App", um verdadeiro tablet no painel.

Os novos itens juntam-se à lista de equipamentos diferenciados que o carro trouxe para os brasileiros no ano passado, quando foi lançado mundialmente no Brasil durante os Jogos Rio 2016. Entre eles, a Visão 360º com Sistema Inteligente de Câmeras, o Detector de Objetos em Movimento (Moving Object Detection), o Controle Inteligente de Chassi (Chassi Control), que reúne o Controle Inteligente em Curvas (Active Trace Control), o Estabilizador Inteligente de Carroceria (Active Ride Control) e o Controle Inteligente de Freio Motor (Active Engine Brake), que atuam na suspensão, freios e também na estabilidade.

Outra novidade é a ampliação da oferta de cores para a linha do modelo fabricado no Brasil. Uma delas é a vermelho "Malbec". As outras são novas opções "2-Tone", combinação que criou uma tendência no segmento de crossovers compactos no país. Agora, além da consagrada carroceria cinza com teto laranja oferecida no Nissan Kicks vendido até então, há outras quatro: prata com teto preto, branco com teto preto, cinza "Rust" com teto preto e preto com teto cinza "Grafiti" – esta última foi mostrada em um protótipo no estande da Nissan do Salão do Automóvel de São Paulo de 2016. Com o Kicks fabricado no Brasil, a Nissan passa a atuar também em novos segmentos do mercado, como taxistas e pessoas com deficiência (PcD).

Um dos primeiros modelos da marca a aplicar o conceito de "Mobilidade Inteligente Nissan", que reúne diversos recursos de engenharia, construção e tecnologia para transformar a maneira como os carros são conduzidos, impulsionados e integrados na sociedade, o Nissan Kicks tem um conjunto mecânico com o moderno motor 1.6 16V casado com o câmbio XTRONIC CVT de última geração e modo Sport, que atuam de forma eficiente graças ao projeto do carro, que tem menor peso da categoria e aerodinâmica eficiente.

Com a fabricação local do Kicks, a Nissan torna seu crossover compacto ainda mais acessível para mais consumidores com a ampliação da oferta de versões, que fica completa ainda neste mês de julho com a chegada da versão de entrada com o câmbio XTRONIC CVT (S CVT). A família do Nissan Kicks brasileiro tem como primeira opção, com preço sugerido de R$ 70.500, a versão S com câmbio manual. É um carro que já entregará muitos equipamentos de série, além do consagrado design de ponta.

Ela virá de fábrica com airbags duplos frontais; ar-condicionado; alarme perimétrico; bancos dianteiros com a tecnologia Zero Gravity®; acabamento de tecido nos bancos; fixadores traseiros para cadeiras de crianças (ISOFIX); cinto de segurança de três pontos para todos os cinco passageiros; freios ABS com EBD e assistência de frenagem (BA); rádio com entrada para mp3 player, conector USB e Bluetooth™ para conexão de telefones celulares; retrovisores na cor da carroceria e com regulagem elétrica; maçanetas internas das portas cromadas e externas na cor da carroceria; coluna de direção com ajustes de altura e profundidade; direção com assistência elétrica e com comandos do computador de bordo, comando de telefone e rádio no volante; rodas de aço de 16 polegadas com calotas; sistema de partida a frio FLEX START®; travamento central automático das portas com o veículo em movimento e vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico. A versão pode também ser equipada, opcionalmente, com os controles de tração e estabilidade (VDC) e o sistema inteligente de partida em rampa (HSA), itens que fazem parte do "Pack Safety".

O Kicks S equipado com transmissão XTRONIC CVT com modo Sport chegará às concessionárias ainda este mês por R$ 79.200. Esta versão, além do câmbio, já traz todos os itens de série da S manual com o "Pack Safety" e, além disso, agrega rodas de liga leve aro 16 calçadas em pneus 205/60 R16 e faróis de neblina.

O crossover brasileiro ganha também uma inédita versão SV – diferente da edição limitada SV "Limited" trazida para o Brasil do México –, que é equipada exclusivamente com câmbio XTRONIC CVT com modo Sport e sai por R$ 85.600. Esta nova versão de produção em série tem os mesmos equipamentos da versão S CVT com acréscimo da câmera traseira com imagem integrada à tela do rádio; chave inteligente presencial (I-Key); sistema eletrônico de ignição (Push Start) sem o uso da chave; parachoques frontais e traseiros na cor do veículo; retrovisores externos com regulagem elétrica e indicador de direção de LED; rodas de liga leve aro 17; sensor de estacionamento; sistema de navegação integrado ao painel e tela sensível ao toque colorida de sete polegadas integrada ao rádio e controles de tração e estabilidade (VDC) com sistema inteligente de partida em rampa (HSA). Como opcional, o "Pack Plus", inclui acabamento de couro nos bancos e airbags laterais e de cortina.

Completando a linha nacional, a versão SL ganha novos equipamentos, que a diferenciam do modelo trazido até então do México: maçanetas cromadas, sistema multimídia Nissan "Multi-App", retrovisores com rebatimento elétrico automático (recolhem-se com o desligamento do motor e se abrem com o acionamento da ignição) e quatro novas combinações de pintura externa "2-Tone", que se somam à conhecida cinza com teto laranja.

Além desses itens, a versão vem com o Controle Inteligente de Chassi (Chassi Control), que reúne avançados sistemas eletrônicos como o Controle Inteligente em Curvas (Active Trace Control), o Estabilizador Inteligente de Carroceria (Active Ride Control) e o Controle Inteligente de Freio Motor (Active Engine Brake); além do acabamento de couro nos bancos; acendimento inteligente dos faróis; airbags laterais e de cortina; ar-condicionado automático digital; Visão 360º com Sistema Inteligente de Câmeras, Detector de Objetos em Movimento (MOD) e painel de instrumentos TFT. O preço sugerido é de R$ 94.900.

A opção topo de linha do crossover compacto pode passar a vir ainda com mais um equipamento usado por carros de segmentos superiores: o alerta de colisão com assistente inteligente de frenagem (FCW e FEB), item que será vendido como opcional no pacote "Pack Tech", que inclui ainda os faróis dianteiros com assinatura de LED.

(Redação - Agência IN