Você sabe como impressionar em uma entrevista de emprego?

Você sabe como impressionar em uma entrevista de emprego? Foto: Divulgação Você sabe como impressionar em uma entrevista de emprego?

Coach de carreiras dá dicas de como acertar em uma entrevista e explica a importância do coaching no processo de recolocação de mercado

O mercado de trabalho brasileiro nunca esteve tão competitivo. Com a crise econômica e a pouca oferta de vagas nas empresas, se você vai participar de um processo seletivo, não pode contar que irá ter uma nova oportunidade de impressionar o entrevistador. Embora uma boa apresentação seja essencial, muito mais do que isso, o que o candidato fala durante a entrevista é que irá definir sua contratação - ou não.

A coach de carreiras Madalena Feliciano, diretora do Outliers Careers, explica o maior erro dos candidatos à vagas de empregos “Desde estagiários à altos executivos, o maior erro, é, sem dúvidas, não saber falar. Não digo gramaticalmente, embora seja também importante, mas sim, se vender como profissional. Mesmo que o seu currículo não tenha grandes qualificações, se você souber mostrar para o entrevistador toda a sua capacidade pessoal e profissional, isso irá com certeza te colocar no topo da lista dele”, diz.

Segundo a especialista, manter uma postura defensiva pode atrapalhar o desenvolvimento do candidato durante a entrevista “O entrevistador quer ouvir o que não está no currículo. Projetos em que o candidato participou, porque participou, o que ele acrescentou, situações em empregos anteriores que levaram a grandes tomadas de decisões, cases de sucesso - caso tenha algum - e por aí vai. Tudo o que possa ajudar a convencer o entrevistador que você é perfeito para aquela vaga”, afirma a coach.

Madalena acrescenta que, por esse motivo, conhecer tudo sobre a empresa para qual está se candidatando é muito importante “O que o entrevistador analisa durante a entrevista, é se a visão e os valores do candidato coincidem com a da empresa. Por isso algumas perguntas são muito comuns - onde o candidato se vê em 5 ou 10 anos, pontos fortes e fracos e, principalmente, porque ele quer trabalhar na empresa. Nunca vá despreparado à uma entrevista”, aconselha a especialista.

Por esse motivo, muitos profissionais desempregados encontram dificuldade para voltar para o mercado de trabalho. De acordo com Madalena, os executivos que decidem procurar o auxílio de um coaching acabam saindo na frente, pois vão para as entrevistas preparados “Eu vejo profissionais que ficaram anos trabalhando na mesma empresa e não sabem mais se portar em uma entrevista de emprego. Por muito tempo não precisaram falar de si mesmos e convencer alguém a contratá-los. O coaching de carreiras auxilia nessa parte. Através do histórico profissional da pessoa e sua personalidade, o coach vai ensinar ao profissional a fazer seu marketing pessoal corretamente, falar das suas reais habilidades e talentos”, comenta.

Além disso, empresas de recolocação de mercado, como a Outliers Careers da Madalena Feliciano, apresentam os candidatos à vagas de emprego de suas áreas de atuações e os auxiliam durante todo o processo “Na minha empresa, realizamos no mês de outubro 3820 negociações para nossos candidatos e, desse número, 82 chamadas de entrevistas e 10% deles foram recolocados no mercado. É um processo que realmente vale a pena”, conclui a coach.

(Redação - Agência IN)