Michele Rios

Michele Rios

Terceira semana de agosto tem superávit de US$ 1,3 bilhão

Na terceira semana de agosto, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 1,332 bilhão, por conta de exportações de US$ 4,117 bilhões e importações de US$ 2,785 bilhões, segundo dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. No mês, as exportações somam US$ 11,050 bilhões e as importações, US$ 8,502 bilhões, com saldo positivo de US$ 2,548 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 137,521 bilhões e as importações, US$ 92,463 bilhões, com saldo positivo de US$ 45,058 bilhões.

ANEF revê projeção de crédito para financiamento de veículos

Com a esperada recuperação na venda de carros que vem sendo registrada nos últimos meses, a ANEF (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras) elevou a sua projeção de liberação de recursos para financiar a compra de veículos. De acordo com o último boletim da entidade, este ano deverão ser liberados R$ 90,6 bilhões, o que representa uma alta de 10,2% na comparação com o ano passado, que foi de R$ 82,2 bilhões. A estimativa anterior era de que o volume de negócios seria da ordem de R$ 86,7 bilhões, crescimento de 5,5% em relação a 2016.

Setor de serviços paulista cria 42.981 empregos formais no 1S17

Depois de quatro meses de saldo positivo no mercado de trabalho formal, o setor de serviços do Estado de São Paulo voltou a apontar retração na movimentação da mão de obra celetista. Em junho, foram perdidos 2.468 trabalhadores formais, resultado de 169.922 admissões contra 172.390 desligamentos. Em contrapartida, no acumulado do primeiro semestre do ano, foram criados 42.981 postos de trabalho, o que demonstra recuperação do setor após o pior primeiro semestre desde 2007, quando foram perdidos 33.126 empregos em 2016. No somatório dos últimos 12 meses, porém, foram perdidos 54.404 postos de trabalho - segunda vez consecutiva que se registra saldo negativo para o mesmo período. Com isso, o estoque ativo atingiu 7.337.097 de trabalhadores em junho, queda de 07% na comparação com o mesmo de 2016.

Assinar este feed RSS