Alckmin nega que aliados estejam debandando

  •  
Alckmin nega que aliados estejam debandando Foto: Divulgação

Geraldo Alckmin, candidato à Presidência pelo PSDB, afirmou na tarde desta terça-feira, 18, que não tem qualquer "procedência" a sugestão de que uma debandada de sua coligação esteja em curso. Segundo Alckmin, que faz parte de uma coligação com oito partidos, a reunião prevista para ocorrer com o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) já estava combinada e ocorre toda semana às segundas ou terças.

O tucano fez questão de comentar a declaração do candidato a vice na chapa de Bolsonaro, general Hamilton Mourão, sobre criação de filhos em casas que têm apenas as figuras da mãe e da avó. Mourão disse que crianças, nestas situações, podem ser desvirtuadas e cooptadas pelo tráfico.

O candidato do PSDB afirmou: "Isso é uma ofensa às mães que criam seus filhos com dificuldades, no sacrifício, às vezes dois, três filhos, sozinhas. As avós, essas heroínas. É lamentável isso". O presidenciável ainda disse que não ataca Bolsonaro e não disse nada sobre o pedido de resposta feito pelo adversário na Justiça Eleitoral.

(Redação - Investimentos e Notícias)