Ações banco Inter (BIDI11): ativos sobem 1,15% e fecham a R$ 64,90

  •  
Ações banco Inter (BIDI11): ativos sobem 1,15% e fecham a R$ 64,90 Foto: Divulgação Ações banco Inter (BIDI11): ativos sobem 1,15% e fecham a R$ 64,90

As ações do Banco Inter (BIDI11) fecha a sessão nesta quarta-feira (18) em alta e recupera parte das perdas de ontem. Os ativos subiram hoje 1,15%, cotados a R$ 64,90. Ontem (17), as ações caíram 2,74%, cotados a R$ 64,16. O volume financeiro somou R$ 58 milhões. As ações hoje oscilaram entre a mínima de R$ 63,00 e a máxima de R$ 65,89.

A Bmg Granito, empresa especializada em meios de pagamento, anunciou nesta quarta-feira (18) acordo com os bancos Bmg e Inter para criação de uma joint venture que permitirá maximizar oportunidades para produtos digitais voltados para pagamentos. A decisão ocorre três meses depois do Banco Bmg ter aumentado sua participação na empresa para 75%. Agora, pelo novo escopo, o Bmg e o Inter passam a ter 45% cada um, enquanto os sócios fundadores terão os 10% restantes. Com essa movimentação, a empresa volta a se chamar Granito e abre um novo caminho para crescimento.

A novidade traz algumas mudanças. Enquanto Rodrigo Luiz Teixeira e Roberto Masotti permanecem como CEO e COO, respectivamente, os bancos ficam responsáveis pela direção financeira. Porém, o canal de vendas Granito continuará a executar a estratégia de vendas presencial através de consultores com a exclusividade do domicílio bancário para o Bmg.

Fundada em 2015, a Bmg Granito é a primeira adquirente com tecnologia própria de ponta a ponta do mercado. Sempre voltada para o desenvolvimento de produtos customizados aos clientes, a empresa, atualmente, trabalha em mais de 100 cidades com equipe própria e cerca de 45 filiais regionais, e conta com mais de 27 mil clientes e 27 milhões de compras aprovadas.

Mais do que entender o passado, muitos investidores querem saber se vale a pena comprar ações do banco Inter hoje. Caso queira saber mais sobre esses ativos, baixe o Relatório das ações do Banco Inter feito pela equipe de Análise da Toro investimentos e faça parte também do Clube de Pioneiros da Bolsa.

(Redação - Investimentos e Notícias)