Vai pedir demissão? Saiba como se organizar e manter uma boa imagem profissional

Vai pedir demissão? Saiba como se organizar e manter uma boa imagem profissional Foto: Divulgação Vai pedir demissão? Saiba como se organizar e manter uma boa imagem profissional

Transições de emprego durante a trajetória profissional são muito comuns. Nestes momentos muitas dúvidas passam pela cabeça do profissional, mas uma das principais é como sair do emprego atual deixando as portas abertas e uma boa impressão.

Antes de tudo, avalie se os motivos da decisão são coerentes, se a demissão foi devidamente planejada e se a saída é mesmo a melhor alternativa para a sua carreira. Se o motivo da saída for uma nova proposta de trabalho, só peça demissão quando tiver certeza da nova contratação. Caso contrário, aguarde até que esteja tudo confirmado e acertado. Assim, você evita o risco de ficar sem emprego.

O momento de pedir demissão pode ser complicado, mas ter uma conversar franca e direta com o seu chefe é fundamental para sair de uma empresa de forma profissional e tranquila. Comunique-o em primeiro lugar, pois não é aquedado que o mesmo fique sabendo da sua saída através de uma carta de demissão ou um comunicado do RH. Evite mencionar sobre sua saída antes de ter conversado com o seu gestor, pois caso essa informação chegue aos ouvidos dele por outras pessoas, pode gerar um mal-estar desnecessário.

Ao comunicar seu chefe, seja objetivo e profissional. Ser transparente também é importante para a imagem do profissional. Por isso, explique os motivos que te levaram a esta decisão, seja uma nova proposta de emprego que possibilite aumento salarial, possibilidades de atuação em outra área ou mesmo um projeto pessoal. Isso demonstra que você já refletiu sobre o assunto e tem clareza sobe a decisão.

Se for possível, peça demissão com antecedência e evite sair de uma hora para outra, deixando a empresa na mão ou as suas atividades pendentes. O ideal é conversar com seu gestor sobre sua intenção de sair da empresa e assim tentar definir um prazo para saída que seja viável para os dois lados envolvidos. Se for possível, e coloque-se à disposição para ficar o tempo necessário até a empresa contratar outra pessoa para assumir o seu lugar ou mesmo para você repassar as atividades que desempenhava.

Se for cumprir o aviso prévio, mantenha o foco até o final, nada de empurrar com a barriga as suas atividades. Sua postura nos últimos dias contam tanto para sua imagem profissional quanto os anos de trabalho realizado. Deixar tudo organizado antes de sair e cumprir com suas tarefas com comprometimento até o último momento mostra profissionalismo e respeito à equipe. Caso não cumpra o aviso, talvez pela necessidade de começar no novo trabalho por exemplo, tente também providenciar para que suas pendências que não tiveram tempo hábil para serem resolvidas sejam delegadas.

Algumas questões práticas devem sem lembradas, como a utilização do e-mail corporativo. Lembre-se de colocar uma resposta automática informando que não faz mais parte da equipe e disponibilize o contato de quem poderá auxiliar o remetente em sua demanda. Isso é fundamental pois nem sempre é possível comunicar todos os clientes sobre sua saída e essa simples medida não os deixa sem resposta. Afinal, o e-mail foi enviado a você e não ter resposta pode prejudicar a sua imagem e também a da empresa.

Outro ponto é que muitos profissionais, ao deixar uma empresa, perdem o acesso a tudo relacionado com o seu trabalho: e-mail, documentos, contatos profissionais, materiais utilizados e muito mais. Por isso, lembre-se de arquivar tudo o que é importante para você, como projetos desenvolvidos que serão úteis no novo trabalho e relevantes para a sua atuação profissional, desde que obviamente não seja confidencial para a empresa.

Peça uma entrevista de saída mesmo que sua empresa não tenha a prática de fazer isso. É sempre importante ter um feedback de seu gestor sobre o seu trabalho e entender melhor seus diferenciais e sugestões de melhoria. É também uma oportunidade para dar à gerência algum feedback construtivo.

Despeça pessoalmente dos colegas e, se for o caso, envie um e-mail comunicando sua saída para pessoas que são um pouco mais distantes. Agradeça a todos o tempo em que trabalharam juntos e disponibilize seus contatos pessoais, nunca os contatos do novo emprego. Não se esqueça de pegar também os contatos das pessoas que você julgar interessantes.

Mantenha sempre o profissionalismo, não fale mal da empresa, dos colegas ou do ambiente de trabalho que está deixando e nem fique contando vantagens comentando do novo salário, dos benefícios e outros aspectos da nova empresa. O ideal é reconhecer o aprendizado e crescimento durante o período trabalho, por mais conturbado que possa ter sido.

Planeje umas férias! Muitos profissionais acabam mudando de emprego logo em seguida e muitas vezes podem acabar ficando um longo período sem tirar férias. Uma folga entre os empregos além de relaxar e descansar o profissional, pode ser bem útil para se preparar para a nova fase. Assim você sai de um local com calma e chega ao outro ainda melhor.

carreiras laisLais Santos Alves – especialista em Carreiras do Ibmec/MG

Última modificação emTerça, 11 Julho 2017 11:45
Equipe Carreiras

Lais Santos Alves - Especialista em Carreiras da Faculdade Ibmec.
Fernanda Schroder Gonçalves  - Gerente Nacional de Carreiras da DeVry Brasil.
Cynara Moreira Bastos Nazareth - Coordenadora de Carreiras do Ibmec Minas em Belo Horizonte.
Camila Luísa Malta Silva - Especialista em Carreiras da Faculdade Ibmec.

Website.: www.investimentosenoticias.com.br/blogs/carreiras